Amoroso

280032_Papel-de-Parede-Bela-Rua-de-Pedras_1920x1200

A cada vez em que me olha

com estes olhos rápidos, castanhos

fugidios, dispersos, taciturnos

que não dizem sim nem não

Olhos que me trazem esperança, medo

olham-me envoltos em reticências

Eu estremeço

A cada vez que nos esbarramos

mesmo que sem querer, sem razão

Cegos de tanto céu, tanto mar

tanta escuridão

Distraídos em pensamentos vãos

Ah, mulher, eu percebo

Que mesmo sem nunca termos nos tocado

nesta imensa amalgama de sentidos e razões

Que eu nunca tenha lhe visto entre as

esquinas, becos, vielas

Mesmo que eu não saiba seu nome

Ah, como eu te amo mulher…