É Lula lá de novo?

lula

Mais um Data Folha em que Lula Lidera nas pesquisas. Mais do que isso amplia seu favoritismo.

Agora devemos esperar que ainda esta semana saia mais uma nova ação da Lava a Jato na tentativa de prender ou inviabilizar a candidatura de Lula.
Pois me pergunto, para que tantas pesquisas um ano antes das eleições? Se não me falha a memoria já é o segundo ou terceiro Data Folha antes mesmo da metade de 2017.

Na minha visão já é certo para a população o favoritismo de Lula, ideia expressa tendo em vista o resultado das pesquisas. Favoritismo esse que só poderá ser mudado a longo prazo ou durante os debates e campanhas eleitorais de 2018. Não vejo motivos para se criar tantas pesquisas presidenciais um ano antes do período de campanhas a não ser um: Sinalizar a Oposição.

Após cada pesquisa grande que demonstra a liderança na opinião publica por Lula a oposição se movimenta de alguma forma, principalmente utilizando a Lava Jato. Não vejo mais sentido em grandes jornais como a Folha de gastar recursos extensos para criar pesquisas de três em três meses, sendo que já se tornou OBVIO a intenção publica de Voto.

Em algumas entrevistas Ciro Gomes – que também está na disputa presidencial – sinalizou que a oposição fará de tudo quanto possível para inviabilizar a campanha de Lula, deixando a ideia de que o intuito não é necessariamente prende-lo mas impedir que possa se eleger em 2018.

Realmente vivemos um período politico muito confuso. A sociedade não tem a menor ideia de um projeto nacional de desenvolvimento e está se apegando cada vez mais a figuras icônicas que fazem sua representatividade por sua imagem, isso fica claro quando observamos Bolsonaro em segundo lugar nas pesquisas e Sergio Moro em quarto lugar. Mesmo elegendo Lula ainda sim a grande massa politica do Congresso e do Senado poderá faze-lo oposição criando assim mais um cenário controverso de um novo Governo Petista.

Espero sinceramente que a sociedade não veja a figura de Lula como um salvador, que resolverá todas as questões econômicas e sociais do país. Que a visão publica possa se interessar e se importar em eleger um congresso e senado coeso com o projeto presidencial e que assim possamos avançar em um novo ciclo que possa desenvolver nosso país.

Acredito que um novo governo de simpatias entre Burguesia e Trabalhadores não seja a solução, mas por falta de melhores opções que venha Lula novamente.

Advertisements

7 responses to “É Lula lá de novo?

  1. O cenário é temerário. São tantas barbaridades que vemos diariamente. A cada dia uma página da Constituição é arrancada, incluso pelo próprio STF. Há muitos interesses por trás “das caras” da Lava-jato, o que é lamentável. O que era para ser a maior limpeza no cenário político é só motim para mover interesses ocultos, definitivamente, não há mais em quem se confiar. A mim, parece uma caçada ao Lula a qualquer preço.

    • Exatamente. Concordo com todos os seus pontos. Msm assim a história de Lula garante o apoio popular.. E essa crise e disputa onde existe uma parcela empresarial totalmente contra as medidas sociais vai acabar oferecendo mais alimento para essa bagunça toda.

  2. Eu particularmente não acreditava nessas “pesquisas”,
    e minha descrença aumentou
    depois da eleição pra prefeitura de São Paulo.

    E nessas eleições o PT perdeu em várias cidades,
    será que as pessoas votaria de novo, já que acham que td o mal está somente no PT?

    Adoraria que a maioria das pessoas votassem nulo,
    para que novas eleições fossem chamadas, mas isso já é utopia.

    • Poxa, obrigado por sua opinião!
      Levantar a ideia de credibilidade das pesquisas é muito importante! Afinal, ela pode ser manipulada de varias formas, selecionando locais específicos é um exemplo.
      Sobre a questão de “Acham que todo o mal está no PT” ai eu acredito que posso ampliar um pouco esse pensamento. Sera que as pessoas não pensam que todo o mal esta na politica em geral? Veja. Dória ganhou eleições com campanhas anti politicas. Na pesquisa data folha Sergio Moro é quarto colocado ou seja um não politico. Veja que Dória tbm ganhou as eleições em cima do Haddad mas Suplicy por exemplo foi o vereador mais votado da História.
      O que me faz pensar que as pessoas estão ligadas as figuras politicas não exatamente a seus partidos ou a politica em sí. Lula é uma figura historicamente forte. E como disse no texto, espero que as pessoas não o vejam como um salvador que solucionará todos os problemas sócio-políticos do País. Nós temos que ampliar nossa visão para se importar com o congresso e o senado da mesma forma.
      Por fim, se tu acredita que o melhor é o voto Nulo, digo que deves fazer aquilo que corresponde seus ideais. Não se importe se toda a sociedade fará o mesmo, se nem mesmo você fizer ai é que nunca irá acontecer 😉

      • Exatamente, vc também tem razão.

        Pessoas acreditam que o partido pouco importa,
        pois cada candidato tem uma base.
        Particularmente, eu não acredito que uma pessoa vai fazer um governo
        diferente das ideias do partido.

        Tbm,
        Já vi pessoas dizerem que o Maluf era melhor que qualquer politico,
        pois rouba mas faz.
        (ou seja, são conivente com o roubo, desde que faça)
        Esse tava com raiva do Haddad por causa das multas
        e as faixas pra ciclistas.

        Com a faixa dos ciclistas dava até pra se discutir,
        pois há pontos que o carro é obrigado a entrar na contramão
        pq não há placas de proibido estacionar,
        então os carros estacionavam
        e a outra faixa era pra cicilista,
        só sobrando uma mão para se dividir
        com o carro que vinha e o que ia.

        mas as multas, não neh?!

  3. Acho que a falta de projeto nacional a que você se refere permeia a falta de projeto ideológico. Sempre me perguntei quando da primeira eleição do Lula (e eu votei nele, quero frisar) qual o sentido de uma aliança entre o PT e o PL, pois salvo ledo engano, o Alencar, vice-presidente na época, pertencia a esta sigla. PT/PL era uma coligação inimaginável na cabeça de muitos petistas. Mas nos bastidores do poder existem questões as quais não alcançamos. Quanto as nossas opções, concordo com você. Estamos carentes delas. E mais uma vez nos voltamos para a figura de um salvador da pátria, como foi com o Collor. Mas eu tb reafirmo que na falta de uma opção melhor, é Lula novamente.

    • Com toda certeza! Nossa sociedade não pensa num projeto de nação. Apenas escolhemos um candidato na qual nos identificamos e esperamos que ele “Faça seu trabalho corretamente”. Escolhemos um presidente e queremos educação, saude, moradia, dinheiro e etc. Sem querer pensar como. Queremos um País economicamente agro? Industrialmente desenvolvido? Qual nossa meta educacional? São questões que a população carece de ferramentas para compreender e pensar sobre.
      Ai acontece algo como recentemente em São Paulo. Haddad como ministro da Educação foi excelente. Criou projetos enormes como o Prouni. Mas perdeu eleições para prefeito por causa de ciclo faixa, afinal todo seu avanço foi ofuscado pelo “Governo Lula” é como se Lula tivesse desenvolvido todos os projetos da educação durante a gestão do antigo ministro, pq o partido precisa criar essa figura Deusificada, para garantir novas eleiçoes.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s