Thor Ragnarok

Sem título

Ha alguns bons dias atras o trailer do próximo filme do Thor foi lançado. Eu estou bem atrasado para comentar sobre o ocorrido. Mas não importa por que eu queria ver os comentários das redes para tentar falar sobre algo que ainda não foi comentado (que pelo menos eu ainda não vi haha). Se caso você tenha algo a mais a comentar é só deixar la nos coments 😉 (tem muitas vezes a palavra comentário nesse pequeno pedaço kkkkk)

Primeiramente: Fora Temer!
Em segundo eu coloquei no começo a Hela, por que caralhos ELA ESTA FODA. Olha a Galhada perfeita que fizeram! Está sensacional. Eu quero mais ver o filme por ela do que por qualquer outra coisa.

O primeiro grande fato que ocorre no trailer é a destruição do Mjolnir, o martelo tradicional do Thor, feito e abençoado pelo próprio Odin. Nas HQs isso já ocorreu antes, o interessante aqui é o possível substituto do Mjolnir, o Jarnbjorn:

xxx.jpg

Saiu em algumas artes conceituais do filme que Thor iria utilizar esse machado (infelizmente eu não achei na internet, mas se tu procurar em sites como o Omelete é capaz de encontrar as artes oficiais do filme).

O Jarnb ficou mais conhecido depois da Saga Pecado Original quando o Thor perde o merecimento de poder carregar o Mjolnir por algum tipo de segredo que Nick Fury fala em seu ouvido. O que o pessoal não fez muita referencia é que este machado é bem mais especial do que apenas Substituto do Mjolnir. Na verdade ele é mais antigo! Sua história original aparece na Saga dos Gêmeos do Apocalipse e nesta saga é revelado que no passado Loki, juntamente de Thor, enfeitiçou o Jarnb com uma magia muito antiga e proibida pelo próprio Odin para que o machado pudesse cortar a armadura de um Celestial (criaturas responsáveis por criarem o universo, uma delas aparece no filme dos Guardiões da Galaxia).

Tecnicamente o Jarnbjorn é uma arma extremamente mais poderosa do que o clássico Mjolnir, afinal ela é capaz de matar um celestial, e espero que o filme aborde o quanto essa arma pode ser especial e essencial para o Thor e que não seja apenas um reserva.

O segundo ponto que quero comentar é o Grão Mestre:

GM.png

Nos quadrinhos ele pertence a uma raça chama de “Os anciões do universo”. É aquela galera que chegou primeiro quando tudo tinha acabado de começar a existir sabe? Pois bem, ele é irmão do Colecionador, aquele personagem que apareceu em Guardiões da Galaxia e que estava juntando as jóias do infinito.

Essa informação você encontra em qualquer lugar, o que senti falta foi sobre alguma discussão do contexto em que o trailer apresenta o Grão Mestre. No teaser ele está junto da Valquiria, a personagem que captura o Thor quando ele chega no novo planeta depois de ser banido, e lhe questiona “O que você trouxe de novo para mim”, ela então responde “um competidor”. Esse dialogo me faz lembrar muito de uma saga um pouco recente chamada “Contest of Champions” onde o Grão Mestre está em disputa com o Colecionador por um artefato de poderes inimagináveis que foi criado no inicio do Universo. Durante essa saga, tanto o Colecionador quanto o Grão Mestre possuem um “recrutador” que é um personagem responsável por conseguir Campeões para a disputa no campo de batalha.

Isso me faz questionar: qual o interesse de uma criatura tão forte quanto o Grão Mestre em participar de um torneio de gladiadores? Será que talvez o prêmio do campeonato seja a ultima joia do infinito que não foi revelada? Afinal, deve existir um bom motivo para colocar o Deus do Trovão contra o Hulk não é?

Por ultimo quero comentar sobre Hela e a conquista de Asgard:

hella

Boatos dizem que a trama do filme gira na ideia de que Odin aprisionou Hela. Aqui temos algumas questões a se pensar:

  • Como uma Deusa poderosa o suficiente para queimar Asgard sozinha escapou
  • Que raios aconteceu com Odin
  • Tem o dedo do Thanos nisso tudo?

E nisso eu gostaria de juntar algumas ideias. A primeira é o pós créditos que apresenta Thanos tomando a manopla do Infinito.

thanos-manopla-do-infinito-vazia-cinema-850x353

É de se esperar que a manopla está no Cofre de Odin em Asgard. Logo me parece que Thanos pode ter dado cabo de Odin, talvez com a ajuda de Hela, libertando a Deusa da morte para que em troca da cidade ele pudesse ficar com a Manopla. Afinal quem além de Thanos poderia livrar Hela da prisão de Odin? E como Thanos teria acesso a manopla dentro de Asgard?

Pode parecer uma teoria meio brisada, mas acredito que possa fazer todo sentido!

Bonus Track:

thor

“YEEEEEEESSSSSSS!!!”

Eu vi muita gente dando Hate nessa parte do trailer e achei errado pra cacete. Ficou extremamente bem feita na minha opinião. Primeiro podemos falar da perspectiva de Thor em frente a uma luta. Não há nenhum desafio que Thor fique preocupado, em todos os quadrinhos que já li ele sempre está preparado para lutar, nunca preocupado. Pois quando se é o filho de Odin, Deus do Trovão e Príncipe de Asgard quase nada acaba te preocupando. Ele entra em todas as lutas praticamente pronto para vencer, e se caso falhar e morrer para ele tanto faz pois estará morrendo com honra. Então em primeiro lugar não há motivos de Thor estar preocupado com uma batalha num planeta de gladiadores, por que ele é simplesmente o fucking Thor e ponto.

Em segundo essa ideia de “trabalhamos juntos” é uma adaptação da HQ original da saga Planeta Hulk. Quando Hulk vai enfrentar a arena ele encontra o Surfista Prateado, que no caso está sendo manipulado, e acaba tendo praticamente a mesma reação do Thor no teaser, ou seja antes de perceber que o Sufista está sendo controlado ele fica aliviado, tranquilo e feliz por rever um amigo de longa data. Essa adaptação é praticamente um “fã service” ao meu ver e ficou 10/10 😉


É isso! Espero que não tenha ficado muito grande e cansativo de ler e que meus comentários sejam pertinentes haha

Tu curtiu? Sabe coisas diferentes que não comentei? Algum detalhe que deixei passar? Discorda? Coloca ai nos comentários para agregar (:

Thor: Ragnarok será lançado em 25 de Outubro deste Ano! To ansioso pra caralho na moral ~~

É Apenas Jones, Jessica Jones!

j0

Por: Mauricio Lahan Jr

Recentemente, para quem ainda não sabe, a NetFlix lançou seu segundo seriado exclusivo da Marvel: AKA Jessica Jones!

Este seriado foi intergalaticamente FODASTICO! PUTA QUE PARIU, Repito: P-U-T-A-Q-U-E-O-P-A-R-E-OOOOO!!

Primeiramente, parabéns a equipe Marvel por provar, mais uma vez, que quadrinhos podem ter uma temática, complexa e madura, para todas as idades.

“Segundamente”, vou escrever sobre o seriado de uma forma que não tenha Spoilers, então focarei mais na questão das personagens e minhas impressões sobre elas!

j1
– Com muito Wiskey

A nossa incrível protagonista interpretada pela maravilhosa Krysten Ritter é formada por uma personalidade forte e complexa. Mesmo sua aparência sendo mais Frágil, comparada as HQs, Ritter consegue atuar de forma muito marcante. É o tipo de personagem de poucas palavras, que tem força de vontade inabalável e que vai até o fim sem medo do que pode acontecer. Tem coragem para encarar qualquer parada menos seus problemas pessoais. Jessica vive um tormento de pensamentos e culpa, onde se questiona sobre seu passado e a responsabilidade de seus atos. Em resumo Jessica vive uma vida de anti-herói, ou seja não tem relação com honra ou grandes glórias, onde muitas vezes seus problemas pessoais se misturam com os problemas das outras pessoas. Ela não está la para salvar inocentes, mesmo que se questione sobre isso, e sim para limpar a bagunça que sua vida causa a todos os lados.

j2
– Ser um Herói poe um alvo na suas costas

Nossa segunda personagem é Luke Cage! Mike Colter tem uma excelente apresentação de “O cara no seu canto”. Ele é tranquilo e calmo, afinal o que pode machuca-lo? Mais do que isso, ele é uma parte complementar de Jessica. É o cara bondoso e que possui valores que Jessica admira mas que não possui em si própria, por outro lado ela é o furacão que agita a vida de Cage e por quem ele tem algo especial que mal consegue explicar. Sua reação totalmente calma durante as lutas é a cara do Luke nos Quadrinhos onde quanto mais simples melhor. Ainda não vimos sua relação com o subúrbio de Nova York (uma marca do herói) porém talvez isso possa ficar mais claro se a Marvel fizer uma série solo ao personagem.

j3
Vamos. Não banque a Heroína comigo!

David Tennant é o nosso grande Vilão Zebediah Killgrave! Conhecido também como Homem Purpura nos quadrinhos, Killgrave é a complexidade pura dentro da trama total do seriado. Seu poder especial abre espaço para eternas reviravoltas dentro da série e faz você ficar imaginando quais seriam as infinitas possibilidades com algo tao incrível a sua disposição (eu não vou falar qual é o poder dele :P). A atuação de Tennant é simplesmente MAGNIFICA e faz você apreciar desde o tom Roxo de suas roupas (isso tem importância pois o personagem nos quadrinhos tem a pele roxa) até os tons de sua voz que se misturam em seu imprevisível humor. Killgrave é a cereja do bolo e que faz com que todo o seriado se torne uma nova surpresa a cada episódio!

Para concluir gostaria de novamente mencionar o PUTA QUE PARIU pela terceira vez. Por que esse seriado é fora de série *Tudun Bass*.

Com muito Sangue, Porrada, Sexo e num ritmo a mil por hora Jessica Jones é, na minha humilde opinião, o melhor seriado do momento! Além de criar um ambiente, realmente, muito envolvente a Marvel mostra  um mundo de super heróis que acabam se enrolando mais com o cotidiano do que com invasões alienígenas ou maquinas que desejam destruir a humanidade.

Vale reconhecer algumas falhas nos efeitos especiais… Mas da para entender pela relação Produção / Orçamento / Lucro.

Bonus Stage:

J4
Its Patsy!

Rachael Taylor interpreta Trish Walker, a melhor amiga, e tecnicamente meia irmã, de Jessica. Nos quadrinhos ela é a Gata do Inferno e sua personagem na série nada tem haver com as HQs, a não ser a história pessoal da personagem e sua tendencia ao treinamento de artes marciais. Dentro da série é uma personagem muito importante e que pode ganhar mais espaço ainda no futuro, porém não devemos esperar algo parecido com os quadrinhos então não adianta muita expectativa.

j5
Me dê uma vermelha

*Aqui possa ter um pouco de Spoiler*

Por fim apresento-lhes Bazuca! O personagem é interpretado por Wil Travel e leva consigo suas famosas Pilulas Vermelhas, Brancas e Azuis. A interpretação do ator é muito boa, porém não esta ao nível enlouquecido dos quadrinhos, onde a personagem conta com uma metralhadora que marca o numero de pessoas que ele mata. Bazuca acrescenta muito a trama do seriado pois acaba colocando uma personagem aliado-vilão muito interessante, fazendo aquele momento em que nada mais pode dar errado ficar pior ainda.

Um ponto a mais pela mania de morder a Pilula antes de toma-la, isso é outra marca registrada das HQs.

O mais interessante nesta personagem nos quadrinhos é sua aparição na famosa saga “A Queda de Murdock” do Demolidor, escrita por nada mais nada menos que Frank Miller (Sin City e Trezentos), o que pode indicar mais uma ligação entre as series de Jessica com a do Diabo Vermelho da Cozinha do Inferno (região de Nova York onde ocorre a trama dos dois seriados).

PS: Ainda existem outras personagens na serie que tem relação com as HQs, mas ai o texto ficaria o triplo do tamanho hahaha