Marta entra pra fazer história! Mas não foi a que todo o mundo esperava.

Marta

Ja viu o nosso insta? @CrimeSemCastigo

Hoje foi mais um dia na agenda da copa do mundo de futebol Feminino e em especial, para os brasileiros que estão acompanhando, havia uma expectativa grande para a partida entre Brasil e Austrália. Isso por que teríamos a oportunidade de ver Marta  estrear na copa.

A Camisa 10 do Brasil dispensa apresentações para quem conhece ao menos o minimo do futebol de nossas mulheres. Está participando de sua quinta copa do Mundo além disto foi 6 vezes considera a melhor jogadora do Mundo pela fifa e coleciona várias bolas e chuteiras de Ouro recebidas por diversos campeonatos, porém este jogo seria sua oportunidade para mais um marco histórico em sua carreira como jogadora, mas não o que todos esperavam.

Antes da Partida, Marta colecionava um numero total de 15 Gols em copas do Mundo. Estava em segundo lugar como maior artilheira da história da competição, igualada a Ronaldo e atrás apenas de Klose (atacante alemão). Muito provavelmente, ao longo do campeonato, Marta irá ultrapassar o Atacante alemão, pois no jogo de hoje conseguiu marcar o seu décimo sexto! Também conquistou o titulo de ser a unica a marcar em 5 copas diferentes. Bom, resumindo, ela é foda.

A questão em especial não foi em si suas conquistas pessoais mas o que na minha opinião devemos considerar como histórico seja sua postura pela luta de igualdade seja dentro ou fora do campo.

O gesto que Marta fez após o gol (foto acima) ao apontar para sua chuteira representa sua luta por igualdade de gênero no esporte. A chuteira que ela está usando não possui nenhum patrocínio, além de apresentar um sinal de “=” na cor Rosa. Acontece que desde de 2018 a nossa artilheira está sem nenhum patrocínio de material esportivo. Houve novas propostas e até mesmo renovação de contratos, mas todos foram recusados pela atleta justamente por serem ofertas em valores muito menores do que o comum para outros jogadores equivalentes a ela mas do universo masculino do futebol.

Marta é uma das 5 embaixadoras da ONU Mulheres e representa o simbolo de luta pela igualdade de gêneros no esporte. Acredito que ver a copa do Mundo de futebol feminina sendo transmitida ao vivo com cobertura tanto da Rede Globo quanto da TV Bandeirantes é fruto da luta de sua causa. Esperamos mesmo que a desigualdade no esporte seja cada vez menor e que não fique na disputa apenas dos milhões que um ou uma atleta possa receber mas que também o apoio possa alcançar as jovens meninas para que elas tenham apoio para acreditar em um futuro diferente, num mundo onde o esporte possa fazer a diferença tanto para eles quanto para elas de forma muito mais ampla.

Só uma coisinha, parece que surgiu uma paginas ai com o simbolo que a marta está usando na foto. Simplesmente brotou na internet e não sei se são paginas oficiais da jogadora ou apenas uma galera que soube aproveitar o momento para bombar nas redes. Por tal motivo vou deixar imagens aqui sem os famosos créditos.

Bjs e sigam a gente la no insta! See ya ~~ (:

62123882_671365113268902_422059739693174958_n(1)

Anúncios

Menina do Teatro

xaxa

Já seguiu a gente no insta? @CrimeSemCastigo

O seu laço
Feito de braços
Que me prendem
E agarram.

Aii
Por que me perco,
Em tão macios cachos?

Me mostra seu roteiro
Me leva em seus ensaios
E deixa-me ali
Na plateia, no aguardo.

Pois faz de mim,
O mais sortudo homem.
Quando sou o escolhido
Para dividir seu espetáculo!

Dia dos Namorados: 10 dicas para surpreender a pessoa amada

Eeeeehhh La vem a Quinta que indica! Hoje to reblogando um post muito caprichado e bonito da “Pitacos e Achados”. É um blog que tenho visto a muitos e muitos tempos (:
Espero que deem uma força lá e que gostem do conteúdo.
Ah! E não esquece de acessar a rede dele neah:
@pitacoseachados
facebook.com/pitacoseachados
twitter.com/pitacoseachados

E não vai esquecer da gente né?
@CrimeSemCastigo

Blog Pitacos e Achados

Dia dos Namorados 10 dicas para surpreender a pessoa amada - pitacos e achadosOlá pessoal!!

O Dia dos Namorados é uma tradição importada e, para muitos, não passa de consumismo. No entanto, existem vários motivos para celebrar essa data e fazer dela um momento marcante.

Muitos casais dizem que depois do casamento a relação fica mais sem graça e que o amor se transforma com a rotina. Com isso, algumas datas comemorativas são deixadas de lado (muitos passam a comemorar só o aniversário de casamento/namoro e olhe lá!)

Mas a grande verdade é que isso só acontece quando o casal se acomoda e deixa de priorizar o relacionamento. 

O dia dos namorados é uma ótima oportunidade para que o casal se aproxime e fortaleça assim, a relação. Apesar disso, algumas pessoas deixam essa data passar em branco por falta de tempo, dinheiro, ou até mesmo por estarem de mal um com o outro.

Veja abaixo porque vale a pena separar um tempinho para surpreender…

View original post mais 585 palavras

Por que precisa fazer sentido?


Qual a forma de dar sentido as coisas? Já parou para pensar como é angustiante quando tentamos fazer algo na qual não enxergamos sentido? E o pior de tudo, fica um gosto amargo na boca como se esse algo fosse errado. Mas a qual sentido eu me refiro? Afinal, podem existir várias formas de sentido.

O mais comum é darmos um preço a tudo aquilo que fazemos. Logo nos perguntamos: para que vou fazer isso? E o que isso vai me trazer em troca?

E é aí o mais cruel dos sentimentos. Quando não valorizamos aquilo que fazemos por que não envolve na maioria das vezes um valor monetário nisso. Há alguns dias vi uma postagem de um blog amador e com bem poucas visualizações (assim como este que você está lendo) postando algo assim “acredito que esse é o fim do blog”. Não era exatamente essas palavras, mas o sentido é o mesmo. Um post bem curto de uma despedida.

Percebi ao comentar nessa postagem que o autor do blog tinha perdido o sentido dele. Como descobri isso? Eu simplesmente comentei na postagem “lembre quando você começou o blog qual era sua motivação” e aí o cara simplesmente desistiu de encerrar sua página. Obviamente tinham outros comentários de apoio no mesmo tom do meu. A questão é que acredito que ele conseguiu resgatar o sentido pessoal de escrever um blog.

Muitas das vezes iniciamos projetos na nossa mente e não tiramos eles do papel por que não acreditamos no seu desenvolvimento ou no resultado que ele pode gerar. Isso por que nossa sociedade está intensamente treinada para fazer uma equação, muitas vezes inconsciente, na qual procuramos um resultado que traga algum valor em troca do nosso esforço. A gente não estuda por estudar, ou produz por produzir. Há sempre outras questões mais importantes na qual precisamos focar e dedicar nosso tempo.

Isso faz com que aquilo que expressa quem somos se torne algo muitas vezes vazio e sem sentido.

Eu gosto dessa música do Oasis, e desse álbum também. É o momento mais louco e “nosense” da banda. Mas é justamente isso que me agrada. Fazer um álbum grandioso de coisas que só fazem sentido quando você aprende a dar sentido aquilo que realmente importa. Afinal, ninguém sabe qual o real valor das coisas (:

Stand by me
Nobody knows
The way it’s gonna be
Stand by me
Nobody knows
The way it’s gonna be

A solução para o Estado é o fim do Mesmo?

img_20190531_0902548527917740924860972183.jpg

Galera! Antes do post, queria avisar que agora temos um Insta!
Eu sei, doideira neah? Mas me falaram que InstaGram é uma coisa famosa que um monte de gente usa. Então acessa e segue a gente lá per favore
@CrimeSemCastigo

Bjs ~~


Em “O Estado e a Revolução” de Vladimir Ilitch Lênin temos uma obra inteira voltada a discutir formas e meios de como a classe trabalhadora deveria romper e quebrar o Estado chamado Burguês, ao mesmo tempo em que o autor debate o que ele considera como deformidades das ideias e teorias de Karl Marx.

O livro é repleto de explicações e esclarecimentos segundo a visão de Lênin sobre o ideal de comunismo e o fim de meios de organização social como o Parlamentarismo, Republica ou qualquer outro meio que não seja uma divisão ampla da sociedade em Comunas.

Mas até ai vamos ignorar o final e pensar um pouco sobre o Meio. Toda a base da leitura é baseada que só seria possível chegar aonde Lênin, ou melhor Marx, teorizou se acaso houvesse uma quebra do modelo de Estado no qual vivemos. Será que a solução do Estado é justamente a quebra do mesmo?

Para que serve o Estado? Devemos partir da ideia de que o Estado existe para organizar a sociedade em sob um conjunto de Leis que possam delimitar os “direitos e deveres” de cada cidadão além disto determinar como vamos eleger lideranças que tem como dever a manutenção dessa organização de uma forma sadia para aquela cultura ou civilização.

Obviamente a concepção de “Estado” não tem uma ideia primordial. A organização social foi criada de forma natural e não idealizada, desenvolvida a partir de necessidades primordiais para a sobrevivência da espécie. O que futuramente podemos considerar que foram idealizadas seria as formas do Estado. Isso sim é especificamente diferenciado de sociedade para sociedade e de tempos para tempos.

Ninguém pode dizer o que será mais viável ou terá maior chances de “Sucesso” mas a questão em sí é que a própria história nos prova que o modelo de estado não é certo e nem eterno. Ele pode e deve ser quebrado diversas vezes para se construir novas tentativas de avanço do que poderíamos considerar desenvolvimento Humano.

Muito provavelmente a Obra de Lênin pode vir a estar um tanto ultrapassada, há muitas ideias dentro do livro que muito provavelmente já foram superadas, porém devemos não enxergar um manual cego do que obrigatoriamente devemos fazer, mas sim uma sugestão para uma nova ideia de Estado. E que isso nos inspire a pensar que o Estado pode e deve ser dissolvido de tempos em tempos em nosso processo Histórico. Não podemos simplesmente aceitar as coisas como são e duvidar de que mudanças grandes possam acontecer.

Precisamos estar de mente aberta a entender que o tempo histórico cria mudanças radicais na sociedade humana e que isso é natural.

Talvez todas essas tentativas ideológicas do que se classifica como esquerda, comunismo ou socialismo podem mesmo findar ao erro. Mas não muda o fato que vivemos numa sociedade completa de inversões de valores e cheias de injustiças, onde a maioria da população global vive em miséria.

Um estudioso do desenvolvimento infantil chamado Lev Vygotsky refletiu sobre a seguinte questão: Se uma pessoa na idade média morre por uma doença que não tem cura, então sua morte foi natural. Se uma pessoa morre pela mesma doença após a humanidade criar uma vacina então sua morte foi uma escolha social.

Podemos muito bem ampliar esse pensamento a outros campos como a fome por exemplo. E devemos refletir profundamente se vamos escolher ser omissos e permitir que as contradições do sistema continuem existindo e gerando diversas crises, ou se vamos ter coragem de produzir e debater novas ideias, para uma nova concepção de ordem Social.

Os invisíveis

Quinta da Amizade! Vou separar umas indicações de blogs da galera que eu gosto de ler todas as Quintas. Espero que apreciem da mesma forma que eu (:

Púrpura

o homem

Relacionar-se com um homem invisível tem lá suas vantagens. Primeiro que não tenho que introduzi-lo ao ambiente, as pessoas nem sequer notam que ele está lá. Segundo que a atração física nunca cessa, se em um dia, por exemplo, ele aparenta mais cansado, feio, desajustado, nunca saberei. Terceiro, as pessoas não podem cobiça-lo.

Muito me elogiam, porque eu rio sozinha, visto-me para mim mesma, sou minha própria companhia – mas isso não é verdade. Os cantos dos meus lábios sobem para alguém que não consegue ser visto, e eu procuro combinar bem os meus trajes para que ele observe e sussurre ao meu ouvido um comentário lisonjeiro, dificilmente eu estaria sozinha.

Mas de uns tempos para cá, ele deixou de me ver regularmente. Se alguns homens se tornam invisíveis pela falta de presença, não foi assim conosco. Ele sempre esteve lá, e eu sabia, porque posso enxerga-lo: ou eu…

View original post mais 269 palavras